Coisas para Fazer em Paris no Inverno

Inverno_banner

Se Paris é linda no verão e na primavera, com suas temperaturas quentes e sol brilhando, também nos meses de frio a capital francesa tem seu charme.

No inverno, é a chance de descobrir um lado diferente da cidade mais visitada do mundo. Aproveite o seu período mais tranquilo, longe das multidões de turistas, casais de namorado e fashionistas que invadem a cidade a partir de fevereiro.

Ok, a temperatura pode beirar o zero grau. Então coloque seu melhor casaco e saia para as ruas (enfeitadas com milhares de luzes natalinas até janeiro). Você terá muito o que aproveitar.

Reunimos aqui algumas das nossas coisas favoritas para fazer em Paris no inverno, para ajudá-lo a sentir o lado mais quente da cidade nesses dias frios. E, claro, não deixe de ficar em um hostel em Paris para economizar e sobrar mais grana para curtir as belezas de Paris.

1. Visite a árvore de Natal na Notre Dame

Inverno_Arvore-de-Natal-Notre-Dame

Todo ano, de dezembro a janeiro, a árvore oficial de Natal de Parisiense é erguida na praça principal em frente à Catedral de Notre Dame. Você tanto pode admirar a deslumbrante decoração do pinheiro, como também entrar na catedral para ver um show de luzes e músicas natalinas.

A história do nascimento de Jesus é projetada em uma grande tela pendurada na ala central da igreja, com concerto de órgão acompanhado pelo coro da catedral. Os shows acontecem a cada meia hora, a partir de dezembro.

Catedral de Notre DamePlace du Parvis de Notre Dame 75004

2. Faça compras em um mercado de Natal parisiense

Inverno_Mercaeo-de-Natal

Aonde ir a Paris para fazer compras de inverno. seja um chocolate quente ou bugigangas e brinquedos para preencher as meias natalinas? Um mercado de Natal é claro! Chalés iluminados podem ser encontrados por toda a cidade. Em torno deles, dá pra sentir o aroma de salsichas, crepes e vinho quente tão típicos.

Escolha os mercados que estão em locais emblemáticos de Paris, como os Jardins do Trocadéro na sombra da Torre Eiffel, ou os que estão localizados debaixo do futurista Grande Arche de La Défense. Os mercados funcionam de novembro a janeiro.

Mercado de Natal do TrocadéroPlace de la Trocadéro, La Défense. Mercado de Natal La DéfenseParvis de la Défense (próximo ao Grande Arche)

3. Patine no gelo no Hôtel de Ville

Inverno_Patinacao-Hotel-de-Ville

Deslize, desfile ou até caia sobre a pista de gelo ao ar livre do Hôtel de Ville! A entrada é gratuita e o aluguel dos patins custa €5. Esse playground de inverno parisiense fica localizado estrategicamente em frente ao belo prédio de estilo renascentista da prefeitura.

Se preferir uma pista menor, existem vários outros lugares legais para testar suas habilidades na patinação. Neste inverno, pistas de gelos também serão instaladas no primeiro andar da Torre Eiffel, assim como nos Jardins do Trocadéro, ao pé da torre. Funcionam de novembro a início de fevereiro.

Pista de gelo do Hôtel de VillePlace de l’Hôtel de Ville 75004

4. Assista à apresentação de ópera

Inverno_Opera

Que maneira melhor de se aconchegar em um dia de inverno parisiense do que no reduto artístico de uma casa de ópera? As apresentações da Ópera Nacional de Paris acontecem em dois locais: o tradicional Palais Garnier (também conhecido como a Ópera de Paris) e o contemporâneo Ópera Bastille.

Com seus assentos de veludo vermelho e muitos detalhes em ouro, o Palais Garnier é certamente o mais deslumbrante dos dois – mas visitar ambos não deixa de ser uma boa opção, já que boa música para aquecer o coração nunca é demais.

Palais Garnier8, Rue Scribe. Ópera Bastille – 120 Rue de Lyon.

5. Se aqueça no banho turco

Inverno_banho-turco

Nada melhor para combater o frio em Paris do que os tradicionais balneários árabes da cidade. Lindamente decorado e instalado na mesquita de Paris, está o Les Bains du Marais, um balneário e spa que oferece serviços de salas de vapor (banhos turcos), além de grommage (esfoliação corporal) e massagens, para ambos os sexos.

Depois, relaxe com um chá de menta e você vai se sentir limpo, brilhante e novo e com a pele incrivelmente macia.

Bains du Marais33 Rue des Blancs Manteaux. Mesquita de Paris39 Rue Geoffrey Saint-Hilaire.

6. Tome um chá

Inverno_Cha

Mantenha-se aquecido de maneira elegante: tome um chá no Museu Jacquemart-André. A sala de jantar desta suntuosa mansão privada virou o restaurante do museu, onde você pode saborear uma fina seleção de chás, bolos e doces.

Na mansão você encontrará impressionantes afrescos no teto, tapeçarias e mobiliário do século XVIII, luxuosos quartos grandes e acolhedores – além de um terraço com vista para o jardim de inverno para quando o sol estiver brilhando. Complete sua visita admirando os salões e sua preciosa coleção de arte.

Musée Jacquemart-André158 Boulevard Haussmann.

7. Mergulhe nos livros

IMG_1552.JPG copy

IMG_1552.JPG copy

A maior livraria de língua inglesa de Paris – a Shakespeare and Company – é parte loja, parte instituição cultural. Forrada do chão ao teto com livros, abriga pontuais leituras de poesia, encontros de escritores e oficinas em sua biblioteca no andar de cima.

A livraria tem a tradição de oferecer abrigo a escritores em início de carreira em troca de algumas horas de trabalho por dia. Já foi visitada por vários grandes nomes literários, de Ernest Hemingway a Henry Miller, de Alan Ginsberg e Anais Nin. Passeie pelas suas estantes, leia na biblioteca, tome uma xícara de chá e saia com o seu novo livro favorito.

Shakespeare and Company37 Rue Bûcherie.

8. Devore sua comida favorita

Inverno_comida-favorita

Em Marais (bairro de bares da moda e boutiques peculiares) encontraremos um café temático de Alice no País das Maravilhas, chamado Le Loir dans la Thèiére. O nome foi dado em homenagem ao rato que fica mergulhado no bule do Chapeleiro Maluco.

As paredes cobertas de cartazes de filmes antigos, cadeiras e mesas desordenadas, e decoração retrô-chic, se mostram perfeitos para acompanhar a sua deliciosa comida. Se esbalde nas saladas, quiches e bolos incríveis de pistache, milefólio e chocolate

Le Loir dans la Thèiére3 Rue des Rosiers.

9. Vá as compras nas passagens cobertas

Invenro_compras-cobertas

Elas foram construída no século 19 para ajudar os parisienses a evitar o ruído das ruas entupidas com carruagens puxadas por cavalos. Hoje essas passagens cobertas são galerias com várias lojas e se mostram um belo refúgio para os dias frios. Para um momento de pompa e circunstância, visite a Galerie Vivienne com sua livraria-antiquário (Librairie Jousseaume) que remonta a 1826 e a loja de Jean Paul Gaultier que está localizada entre os salões de chá e galerias de arte.

A Passage du Grand-Cerf tem preços mais acessíveis, mas não deixa de ser menos atraente. Conta com um belo telhado de vidro restaurado, fachadas de lojas em madeira e acessórios decorativos em ferro forjado. Visite-a e conheça belos antiquários e cervejarias tradicionais.

Galerie Vivienne 6 Rue Vivienne / 5 Rue de la-Banque / 4 Rue des Petits-Champs; Passage du Grand-Cerf145 Rue Saint-Denis / 8 Rue Dussoubs.

Um agradecimento especial pelas fotos do Flickr para Thanks to A., luc legay, haemengine, dalbera, jpbourque, scarletgreen, ChrisYunker, nozomiiquel e alainlm.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *